257bet

Capa do Álbum: 257bet
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
257bet
Ícone seta para a esquerdaVeja todas as Notícias.

Gerdau insiste em cobrança por imposto de importação de 25% para aço no Brasil

Placeholder - loading - 03/05/2022 REUTERS/Dado Ruvic/Ilustração
03/05/2022 REUTERS/Dado Ruvic/Ilustração

Publicada em  

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente-executivo da Gerdau, Gustavo Werneck, afirmou nesta terça-feira que é 'urgente' a necessidade de o governo criar imposto de importação de 25% sobre aço que tem chegado ao país em grandes volumes neste ano.

'De fato, este (importação elevada de aço) é o maior problema da indústria de aço brasileira. Não é novo, está relacionado à desindustrialização que tem acontecido no Brasil há muito tempo, e se agravou muito ao longo dos últimos meses', afirmou Werneck em entrevista a jornalistas após a publicação na noite da véspera de queda de 47% no lucro da companhia no terceiro trimestre sobre um ano antes.

'É urgente que o governo federal implemente medidas de curtíssimo prazo para combater esse fenômeno', disse Werneck, citando que de janeiro ao final de setembro as importações de aço pelo Brasil subiram 58% sobre um ano antes.

O executivo afirmou que, diante da capacidade de exportação de aço da China prevista para este ano, da ordem de 100 milhões de toneladas, 'não existe qualquer possibilidade' para os produtores nacionais venderem seus produtos no exterior.

De acordo com Werneck, historicamente a Gerdau reserva 25% da capacidade de suas operações no Brasil para exportações. Mas este ano 'para nós esse potencial de exportação está congelado', acrescentou.

Ele citou que a companhia atualmente tem três usinas no Brasil paradas, mas não identificou as unidades citando questões de competitividade. Com isso, a empresa demitiu 700 funcionários no país.

O único local que a empresa não fez ajustes de pessoal em decorrência da concorrência com as importações, disse o executivo, foi a usina de Ouro Branco (MG), onde a companhia está investindo 1,5 bilhão de reais em expansão de capacidade de laminação de bobinas à quente, projeto que deve entrar em operação no final de 2024.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Escrito por Reuters

Últimas Notícias

  1. Home
  2. noticias
  3. gerdau insiste em cobranca …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.

257bet Mapa do site